De casa para o trabalho de bike

Saiba como transformar o trajeto em um treino
Por Caio Duarte

Ir e voltar do trabalho de bicicleta traz diversos benefícios. O caminho percorrido ajuda a melhorar a sua saúde, seu foco nas tarefas do trabalho e, com planejamento adequado, pode melhorar o seu desempenho em uma prova de ciclismo ou triathlon.

Para aqueles que querem unificar as duas atividades, o treinador Diego Lopez dá algumas dicas que podem adaptadas às diversas situações do dia a dia.

1. Alterne o trajeto e os treinos

O ciclismo é importante para o triathlon, mas a natação e a corrida também são. Caso foque muito no ciclismo, você corre o risco de estar exausto para treinar. O ideal é fazer de duas a três vezes por semana o trajeto, para poupar o seu próprio físico. Ir e voltar de bicicleta todo dia pode prejudicar o corpo, em caso de o objetivo ser a preparação para o triathlon.

2. Foque na diversão

As ruas e o trânsito urbano não facilitam a vida do ciclista. É complicado andar de bicicleta em muitos lugares, por conta dos carros e ausência de ciclofaixas. O ideal é tornar a pedalada uma diversão.

3. Resultados

Não se pressione por resultados. O trajeto ajuda, sim, no desempenho físico, no ciclismo, na força das pernas, porém não pode substituir o treino específico.

4. Atleta Sustentável

Tenha sempre em sua cabeça, que por mais que o deslocamento casa-trabalho-casa não seja o treino ideal para evoluir muito na performance, você contribui para uma cidade mais sustentável em vários aspectos (menos trânsito, poluição e mais bicicletas circulando pelas ruas).

Diego Lopez é especialista em treinamento desportivo e diretor-técnico da equipe Trilopez de triathlon. Pratica o esporte desde 1995, e tem no currículo mais de 300 provas concluídas, sendo a principal delas um Ironman disputado em 2010.

Fonte: prologo.com.br

Comente este artigo...